sexta-feira, 1 de junho de 2012

Vem.

eu te guardei um espaço do meu lado, e em meus braços há tantos abraços a te esperar.
Não seja assim, o tempo passa, nós passaremos também, logo alguém estará aqui no espaço ao meu lado, e ganhando meus abraços, e me dizendo o que sua boca nunca ousou falar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado e volte sempre!